Logo

Notícias

Fiéis celebram Dia de Nossa Senhora Aparecida em Juína
Cleber Batista

Fiéis celebram Dia de Nossa Senhora Aparecida em Juína

Em Juína uma das tradições preservadas há vários anos é a celebração da missa de Nossa Senhora no referencial de fé da igreja católica, um Cruzeiro no monte na chegada a cidade.

A programação à tarde teve início com a preparação da imagem de Nossa Senhora Aparecida no veículo que a transportaria durante a carreata até o Cruzeiro na MT-170.

Entre os fiéis que organizaram o andor estavam seu Gentil Pasqualotto e Olírio Alberton.

“Estamos muito felizes em poder participar, a devoção por Nossa Senhora nos estimula a essa doação para fazer o melhor por ela que consideramos nossa mãe” relatou seu Olírio.

A carreata percorreu várias rua e avenidas da cidade sede da Diocese, por onde a Santa passava as pessoas acompanhavam com os olhares e gestos de respeito, foram vários km do percurso que começou a tarde e quando chegou ao Cruzeiro a um pouco mais de 15 km já era noite, o padre Oberban Cavazzoli coordenou as falas sobre a programação religiosa durante a carreta.

Assim que chegou ao pé do monte do Cruzeiro, a imagem de Nossa Senhora Aparecida foi recebida por alunos do Colégio São Gonçalo de Juína com cantos e terços produzidos com balões, outros balões tinham formato de coração.

Durante a celebração na Gruta de Nossa Senhora Aparecida, muitos se emocionaram, as reações eram as mais diversas possíveis resultadas de emoções ou bênçãos alcançadas pela fé, como explica Antônio Batista que lembrou um pouco do passado.

“Me fez lembrar de outras romarias de Nossa Senhora, e aqui em Juína eu sempre preservei essa fé e devoção” contou.

Dona Maria das Graças e o esposo foram à celebração para agradecer segundo ela as conquistas alcançadas pela devoção à santa, seu Gerson Teixeira é o esposo de dona Maria, ele conta como foi sua vida nos últimos meses e como a devoção em Nossa Senhora o ajudou.

“Esse ano fiz algumas cirurgias que foram todas bem sucedidas, sou grato a Nossa Senhora e hoje vim para agradecer” frisou.

Seu Gentil Pasqualotto que mais cedo havia ajudado a organizar o andor de Nossa Senhora Aparecida também fez questão de dar um testemunho de como ele conseguiu sair ileso de um acidente no passado.

“Na época me lembro de ter pedido por ajuda a ela e isso aconteceu, tudo que pedirmos, ela realmente nos ajuda eu sou muito grato por tudo que ela já me fez”, concluiu.

A organização do espaço envolveu muito gente, dona Ivone Pasqualotto é membro do grupo amigos de Nossa Senhora, ela se disse realizada com esse momento sublime.

A data especial motivou muitas famílias que participaram da programação durante o dia e da santa missa de encerramento das celebrações, O bispo Dom Nerí que presidiu a Santa Missa destacou a importância da Padroeira do Brasil nessa marca de 300 anos do encontro da imagem de Nossa Senhora Aparecida.

“Esse foi um momento de fé, de agradecimento e de pedidos à nossa mãe, padroeira do Brasil, foi uma celebração muito bonita e de expressão de muita fé de nosso povo” disse o bispo.

Durante a celebração a imagem de Nossa Senhora ficou exposta para os fiéis, uma queima de fogos também ilustrou os céus em saudação a Santa Aparecida. 

Deixe seu comentário

© Copyright 2017 Web Rádios. Todos os direitos reservados.